Este blog contém alguns poemas publicados na Agenda da Semana do site Cultura Pará.
www.culturapara.art.br

22 de fev de 2010

haute couture


chegou por demais atrasada. a barra da saia desfiava!
com um estojo de manicure, ela ensaiava alinhavos.
cada prega da saia colegial a despudorava, o homem de
bigode à village people perdeu-se numa das pregas. o
gênio da lâmpada acarpetou-se em outra. o estiva proto
bem antes já erguia contrabandos por uma preguinha
que fosse. até o apátrida teve seu quinhão... o velho da
horta lambia os beiços. o argonauta afogava as anáguas.

foram as mulheres, no entanto, que, depois do amor,
teciam a barra, passavam a goma e vincavam as dobras.



Rodrigo Maroja Barata

Nenhum comentário:

Postar um comentário